default Notícias
Data da publicação: 16/09/2013

Com apoio da Superintendência de Gestão Ambiental e da Reitoria, ICMC será o primeiro a formar uma Brigada de Arboristas na USP

Existem mais de 30 mil árvores nos campi da USP e cerca de 10%
das espécies estão em São Carlos (crédito: Nilton Junior/ArtyPhotos)

Evitar os danos que podem ser causados pela queda de árvores ou de galhos por meio da detecção e avaliação de eventuais problemas existentes, preservando a segurança das pessoas e também das árvores. Esse é o principal objetivo da Brigada de Arboristas que será formada no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP de São Carlos.

“Depois de fatalidades que atingiram o Campus da USP de São Carlos, a busca por uma convivência harmoniosa com o meio ambiente e pela preservação da vida foram intensificadas, constituindo-se em pontos fundamentais nas ações do ICMC e do campus”, afirmou o professor José Carlos Maldonado, diretor do ICMC e também presidente do Conselho Gestor do campus. Ele destacou: “É a primeira iniciativa do gênero na USP. Esse é um conceito novo e traz mudanças culturais e de paradigma. Essa ideia, inspirada nas Brigadas de Incêndio, surgiu em conversa que tive com especialista da Plant Care durante trabalho de perícia técnica realizada no ICMC”. 

O diretor ressalta ainda o apoio recebido da Superintendência de Gestão Ambiental (SGA) e da Reitoria: “Agradeço ao Gabinete de Planejamento e de Gestão do ICMC, que soube bem equacionar essa ação de forma articulada com a SGA, com pleno apoio da Reitoria”.

Segundo Maldonado, a melhor forma de evitar os danos e promover a convivência harmoniosa com as árvores é criar uma sistemática contínua de diagnóstico e avaliação competente das espécies arbóreas, por meio da capacitação da comunidade. “Trata-se de um programa de gerenciamento de risco em função das árvores contidas nos espaços dos campi, criando condições para que membros da comunidade – professores, alunos e funcionários – possam identificar, avaliar e comunicar aos gestores os problemas apresentados pelas árvores”, explicou Maldonado. Ele salienta que essa ação deve ser desenvolvida com o Projeto Pequeno Cidadão e com as crianças da creche do Campus da USP de São Carlos.

A meta é que essa iniciativa piloto do ICMC seja estendida aos demais campi da USP, por meio da formação de Brigadas de Arboristas em todas as unidades. Atualmente, considerando-se todos os campi da Universidade, existem mais de 30 mil árvores e praticamente 10% delas estão no campus de São Carlos.

Maldonado destaca também que essa ação pode impactar diretrizes de replantio e de autorização de obras, no sentido de evitar espécies que promovam mais riscos por terem sido alocadas muito próximas a edifícios ou em locais de passagem ou permanência de pessoas.

Treinamento

Nessa fase piloto do programa, 21 vagas serão oferecidas a membros da comunidade USP em um treinamento que acontecerá dias 25, 26 e 27 de setembro no ICMC. Essas vagas foram distribuídas da seguinte maneira: 10 para o ICMC, que formará a primeira Brigada de Arboristas; duas para a Escola de Engenharia de São Carlos; duas para a prefeitura do Campus da USP de São Carlos; uma para o Instituto de Física de São Carlos; uma para o Instituto de Química de São Carlos; uma para o Instituto de Arquitetura de São Carlos e mais quatro vagas que serão preenchidas por um representante das prefeituras dos campi de Bauru, Pirassununga, Piracicaba e Ribeirão Preto.

“A qualificação que será oferecida por meio desse treinamento vai propiciar que as pessoas possam levar essa preocupação com a boa relação com as espécies arbóreas para outros ambientes fora da USP”, acrescentou Maldonado.

Segundo ele, outra vantagem do treinamento é promover a preservação das árvores, que passarão por inspeções regularmente pela própria comunidade, complementando desta forma os trabalhos tradicionais de preservação das espécies já realizados nos diversos campi.


Mais informações
Gabinete de Planejamento e Gestão do ICMC
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Telefone: (16) 3373.6605

CONECTE-SE COM A GENTE
 

© 2020 Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação